A rede social mais popular na Rússia é a VK (antiga VKontakte), quem pensou em Facebook quase acertou, pois elas são bem semelhantes em termos de usabilidade e alguns recursos, mas difere no visual. Assim como no Facebook, o usuário pode postar texto, foto ou vídeo, além de poder usar a câmera ou álbum do aparelho, também é possível adicionar sua localização e definir a privacidade da postagem.

A VK oferece um feed para você acompanhar as atualizações dos seus contatos, comentar, compartilhar e usar o botão de coração para curtir a postagem. É possível conversar pelo chat, através de texto, foto e vídeo. O grande diferencial da VK é que seus usuários podem ouvir música através do próprio serviço.

A VK é uma rede social que foi criada em setembro de 2006 pelo russo Pavel Durov (fundador do Telegram), mas oficializada em 1 de outubro de 2006, no início era exclusiva para os povos de língua russa e disponível apenas para pequenos círculos de universitários. Para se registrar, era possível só com convite de algum membro interno.

Pavel Durov, fundador da rede social VK

Pavel Durov, fundador da rede social VK

De acordo com o ranking da Alexa, a rede social é o terceiro site mais visitado na Ucrânia e Bielorrússia, e o primeiro mais acessado na Rússia.

Confira alguns números interessantes, segundo o site oficial da VK:

  • A rede social recebe 97 Milhões de visitantes por mês;
  • 6,5 Bilhões de mensagens são trocadas por dia;
  • Atinge 1 Bilhão likes por mês;
  • 77% dos utilizadores são plataformas móveis;
  • São 500 Milhões de visualizações de vídeo por dia;
  • 86 idiomas suportados;
  • A equipe é grande, são 140 desenvolvedores e mais 8 designers.

Quer mais matérias como esta? Então, deixe nos comentários!